eolica1 Destaques Economia e Negócios Sustentabilidade 

DE VENTO EM POPA, BRASIL ULTRAPASSA A ITÁLIA

POR – AMBIENTE ENERGIA     Capacidade acumulada de energia eólica no Brasil atinge 12GW. A fonte de geração de energia eólica atingiu 12 gigawatts (GW) de capacidade acumulada no Brasil. O patamar foi anunciado na abertura da 8ª edição do Brazil Windpower, o maior evento de energia eólica da América Latina. Com a capacidade acumulada de 12GW, o Brasil passou de 10º para a 9º lugar no ranking mundial dos principais países geradores de energia eólica e ultrapassou a Itália. Do ano passado para este houve um acréscimo de…

Leia Mais
vento Ciência e Tecnologia Destaques Economia e Negócios 

VENTO E SOL COMO ALTERNATIVAS

POR – VERDELHO ASSOCIADOS   Com uma das energias mais caras do mundo, investimentos em fontes renováveis são estratégicos para o país otimizar sua economia. O Brasil tem uma das energias mais caras do mundo: R$ 402,26 por megawatt (MW) / hora. O que significa um valor 46% superior à média praticada. Neste preço estão incluídos altos impostos e o custo elevado de operação das usinas hidrelétricas e termelétricas. Só para dar uma noção do quanto custa nossa energia, enquanto no Brasil a unidade do gás sai a 25 dólares,…

Leia Mais
atmosfera Aquecimento Global Destaques Meio Ambiente 

ENTENDENDO A ATMOSFERA E O EFEITO ESTUFA

POR – SENAI/FIRJAN   Aqui vamos contextualizar como e por que as mudanças climáticas já são uma realidade, um breve histórico das discussões mundiais e das tendências advindas da COP 21 – Acordo de Paris. A atmosfera é uma camada de gases e material particulado (aerossóis) que envolve a Terra, essencial à vida, composta por nitrogênio, 78%, oxigênio, 21%, e argônio, 0,9%. O restante (0,1%) é ocupado por outros gases, onde o dióxido de carbono (CO2) corresponde a 38,5%. Além dos gases citados, o ar atmosférico também apresenta vapor de…

Leia Mais
bomba de gas Aquecimento Global Ciência e Tecnologia Destaques Meio Ambiente Mobilidade Urbana Saúde 

GASOLINA OU ETANOL?

POR – KARINA TOLEDO / AGÊNCIA FAPESP Estudo mostra que o uso de etanol nos veículos reduz a poluição por nanopartículas. Quando, por algum motivo, o preço do etanol sobe nas bombas de combustível, torna-se economicamente mais vantajoso para o motorista abastecer um carro flex com gasolina. Porém, a saúde de toda a população paga o preço: a substituição do combustível implica uma elevação de 30% na concentração atmosférica de material particulado ultrafino – aquele com diâmetro menor do que 50 nanômetros. O fenômeno foi constatado na cidade de São Paulo em um…

Leia Mais